17

dezembro 2010

PéssimoRuimBomÓtimoExcelente
Loading ... Loading ...

A evolução da moda gestante – Parte 1

Autor:admin

Tags:, , , , , , , , , , , , , ,

As futuras mamães adoram ter várias opções no armário para fugir das peças de sempre. Bata larga e legging como a única saída, nunca mais. Hoje em dia elas preferem os vestidos modernos e as calças que destacam as curvas e deixam o baby bem confortável e a mamãe cheia de estilo. Misturar tendência e conforto já faz parte do vocabulário – e do guarda-roupa – das grávidas.

No entanto, alguns anos atrás a moda para as gestantes era bem diferente. Por muito tempo não existiam nem peças específicas para as grávidas. Para se ter uma idéia do quanto sofriam as mães na hora de se vestir, na Idade Média eram usados aventais quando as peças não conseguiam mais cobrir o barrigão.

A mulher que engravidasse na época só tinha como opção as peças do próprio armário na hora de se vestir. A solução era seguir o estilo usado na época e usar e abusar das roupas mais soltas e fluidas, que, apesar de confortáveis, não favoreciam em nada as novas formas da mamãe.

Os primeiros modelos: de 1.500, o Elizabetano, o colonial e o primeiro modelo específico para as grávidas: o Geogiano.



Foi só um pouco antes do século quinze que as roupas de grávidas ganharam espaço no vestuário das mulheres. As roupas mais largas deram lugar a peças mais justas e os vestidos não tinham costuras dos lados para dar mais liberdade para a barriga.

O primeiro vestido feito especialmente para as grávidas foi criado no período Barroco e levou o nome de Adrienne. Tinha algumas camadas volumosas, feitas com tecidos fluidos que acompanhavam o crescimento da barriga. Esse vestido teve muita influência em outra criação específica para as gestantes alguns anos depois, no período Georgiano. Essa nova peça era super prática e tinha até um babador no busto para ajudar na amamentação. Pela praticidade, marcou a época e foi usado até como traje pelas enfermeiras durante a guerra.

Amanhã a gente posta a segunda e última parte que fala sobre o caminho da moda gestante. E vocês, sabiam o quanto as futuras mamães sofriam com as roupas no passado?

Fonte: http://www.huffingtonpost.com/lindsay-mannering/a-brief-history-of-matern_b_156618.html

Comments

Uma resposta para “A evolução da moda gestante – Parte 1”

  1. [...] This post was mentioned on Twitter by DueVita ModaGestante, DueVita ModaGestante. DueVita ModaGestante said: E o blog da Due Vita já está no ar! Já tem vários posts super legais. O primeiro é sobre História da Moda gestante. http://tiny.cc/vbfbe [...]

Deixe uma resposta


5 + 3 =

Comentários

  1. [...] This post was mentioned on Twitter by DueVita ModaGestante, DueVita ModaGestante. DueVita ModaGestante said: E o blog da Due Vita já está no ar! Já tem vários posts super legais. O primeiro é sobre História da Moda gestante. http://tiny.cc/vbfbe [...]

Deixe uma resposta



− 4 = 4

Instagrams