Conheça o “Mãe de Primeira Viagem”

Procuramos sempre livros, filmes e programas de tv que falem de assuntos relacionados à maternidade para compartilhar com as mamães por aqui. Além de informar, esse tipo de entretenimento deixa a mãe mais calma e menos ansiosa, podendo ver e ler sobre o assunto de uma forma mais divertida.

Hoje nós vamos falar do “Mãe de Primeira Viagem”. Já conhece? Assim como a maioria dos Blogs e programas sobre maternidade, o projeto nasceu logo após Silvia Faro, idealizadora e apresentadora do canal, perceber uma necessidade de falar mais sobre o seu momento mãe. Silvia é atriz, jornalista e locutora, em 2010 ela estava grávida e queria compartilhar cada descoberta que fazia, então criou uma conta no Youtube de forma despretensiosa e notou que sua abordagem direta e descontraída conquistou muitas visualizações. Hoje são mais de 8.000 inscritos no seu canal que reúne de tudo um pouco.

Separamos alguns vídeos para vocês conhecerem:

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

Para ver mais, clique aqui e se inscreva no canal.

Inspiração: lembrancinhas do chá de bebê

Já falamos sobre chá de bebê em outros posts aqui no Blog, mas com o tema de decoração ou com sugestões do que servir no dia, hoje nós separamos ideias de lembrancinhas para as mamães oferecerem aos convidados no no evento.

Como cada detalhe do chá de bebê, é importante encomendar ou preparar tudo antes. É interessante elaborar uma lista de convidados meses antes do chá, para poder estipular a quantia de tudo, incluindo as lembrancinhas. Assim, caso você precise fazer alguma parte das lembrancinhas em casa, terá tempo hábil para isso.

Escolhemos algumas opções que vão das mais práticas, até as mais trabalhosas. Dê uma olhada e guarde como inspiração para quando estiver elaborando o chá do bebê:

Uma flor de porte pequena plantada num vasinho com algum bilhetinho relacionado á chegada do bebê. A flor ainda tem um lado poético e simbólico, afinal, é uma nova vida chegando no lar da pessoa e levando um pouco mais de alegria, assim como o bebê.

chá6

Barrinha de chocolate embalada com papeis das cores da decoração. Receber doce é sempre gostoso.

 Docinhos como jujubas ou balinhas dentro de um potinho ou caixinha personalizada também são uma ótima alternativa para lembrancinhas comestíveis.

 Bolo de caneca é uma lembrancinha fofa e o mais interessante é que, depois de se deliciar com o doce, o convidado pode guardar e usar a caneca no dia a dia. 

 Sachê de chá combina bem com a ocasião. Faça uma embalagem personalizada e use algum sabor de chá de sua preferência. 

Chaveiros com o tema da decoração ou com a letra do nome do bebê também entram para a lista de boas opções.

 

Tendência: calça branca

A calça branca começou a aparecer nos desfiles e nas ruas com mais frequência em 2014. No começo de 2015 ela ganhou força e virou o hit desse inverno. Tem lá seus motivos: apesar da peça fazer parte do mito das peças que aumentam a silhueta (engordam), ela é extremamente versátil, sofisticada e consegue dar um up nas produções do dia a dia. 

Como toda cor sóbria, ela funciona com uma vasta cartela de cores, desde produções mais coloridas, até o preto e branco clássico. Sendo assim, você pode compôr diferentes looks com a mesma calça.

A modelagem varia muito, mas atualmente a skinny (mais ajustada nas pernas) é a mais vista na cor branca.

Para as mamães a calça funciona muito bem. Vale a pena ter uma no armário para alternar entre as calças jeans. Duas dicas que ajudam na hora de vestir e sair por aí elegante são:

  • Procurar cobrir sempre a maior parte do quadril
  • Usar lingerie cor da pele

Nós escolhemos alguns looks da nossa coleção de Inverno 2015 com calças brancas:

calça branca7

Para quem ainda não conhece nossa coleção de Inverno 2015, é só clicar aqui para conferir o catálogo virtual.  

Toda gestação dura 1000 dias

“Toda gestação dura 1000 dias” é uma iniciativa da Pastoral da Criança em parceria com a Rede Globo que busca informar para conscientizar sobre a gestação. Segundo a campanha, a gestação não dura nove meses, mas sim 1000 dias (270 da gestação + 365 do primeiro ano + 365 do 2º ano). Pesquisas sobre o assunto já comprovaram que os cuidados que a mãe tem com a própria saúde e com a saúde do bebê até dois anos após o nascimento, influenciam muito no desenvolvimento e na vida saudável mesmo na fase adulta.

Dr. David Barker foi o primeiro médico a falar da importância dos “1000 dias”. Ele notou que as crianças que nasceram durante a 1° Guerra Mundial, que vieram de uma gestação difícil, onde a mãe precisou enfrentar efeitos de um guerra (stress, alimentação inadequada, falta de conforto e repouso, pouco acompanhamento médico, entre outros), tinham baixo peso e desenvolveram doenças relacionadas às condições do período gestacional e os dois primeiros anos de vida.

Após muitos estudos específicos e anos de comprovações da importância dos 1000 dias, a Pastoral da Criança inseriu esse conceito no trabalho feito com crianças e gestantes nas comunidades. O objetivo, tanto do trabalho realizado pela Pastoral, quanto da campanha que teve início esse ano, é que os 1000 dias façam parte da realidade de todas as gestações, para que o número de crianças com um desenvolvimento saudável seja cada vez maior.

Como parte da campanha de conscientização, a Pastoral lançou um aplicativo para os pais receberem informações do desenvolvimento do filho semanalmente e dicas para ter uma vida saudável. Além disso, um vídeo está sendo veiculado na programação da Globo.

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.